FR Promotora tem o melhor sistema de Renda Extra

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Bahrain World Trade Center

O Bahrain World Trade Center é um complexo comercial localizado na cidade de Manama, capital do Bahrain, nas proximidades do Golfo Pérsico.


O edifício é composto por duas torres simétricas projetadas em forma de vela, com uma altura de 240 metros, e 50 andares. As torres são ligadas através de três pontes e cada uma tem anexado a sua estrutura uma turbina eólica gigantesca com 29 metros de diâmetro movidas pela energia do vento. As turbinas geram cerca de 225 kW máximos com ventos entre 15 e 20 m/s. O objetivo é que a brisa do Golfo Pérsico gere energia capaz de reduzir o consumo de energia elétrica do prédio em até 15%. Isso representa cerca de 1,3 mil MWh por ano, suficientes para iluminar 300 casas populares e deixar e emitir 55 toneladas de carbono anuais.


A Atkins, responsável pelo projeto do BWTC projetou as torres de forma que o vento fosse afunilado para as turbinas, dando um perfil elíptico as torres, forma pouco comum para prédios desse porte.


Testes em túnel de vento mostraram que o desenho das torres acelerava o vento para as turbinas em até 30%, o que garante maior eficiência nos ganhos de energia.


Para quem quiser saber mais sobre a construção do BWTC, recomendo que vejam o vídeo abaixo (dividido em 5 partes), que é uma reportagem feita pela equipe do National Geographic Channel e mostra os detalhes de como o projeto pôde ser viabilizado (vídeos em espanhol):












Vejam também o site oficial:

http://www.bahrainwtc.com/

3 comentários:

Andre disse...

A mania de gastar dinheiro de maneira inútil vem desde as pirâmides .

Anônimo disse...

Criar esse tipo de coisa sempre foi tipico na história da arquitetura. Como o amigo acima disse, desde as Piramides até o "pepino" de Londres, criado por Foster ou a sede da CCTV de Rem Koolhaas. No caso da Atkins, que é um escritório de arquitetura com quase 700 arquitetos concebendo obras como essa mundo afora, não existe nenhuma que não foge a regra, infelizmente!

Romário F. Martins disse...

Oi, gostei do seu blog. Criei um blog do mesmo gênero "ENGENHARIA", se tiver vontade dá uma passada lá.. valeu.

http://universoengenharia.blogspot.com